Resenha: Série Vampire Academy, de Richelle Mead

Posts

Vampire Academy (ou Academia de Vampiros) é uma série que acompanho há muito tempo e posso dizer que foi uma pequena facada no coração quando terminei de ler o último livro. Há uma continuação, de certa forma, que é focada em outros dois personagens da série, mas ainda não peguei para ler (embora tenha ouvido muito bem a respeito), então a dor de terminar essa série foi um pouco menor do que quando terminei Harry Potter (que não tinha nenhum spin-off ou coisa parecida). Então, como Academia de Vampiros se trata de uma série com seis livros, eu vou falar dela como um todo.

Sinopse do primeiro livro: O Beijo das Sombras

Lissa Dragomir é uma adolescente especial, por várias razões: ela é a princesa de uma família real muito importante na sociedade de vampiros conhecidos como Moroi. Por causa desse status, Lissa atrai a amizade dos alunos Moroi mais populares na escola em que estuda, a São Vladimir. Sua melhor amiga, no entanto, não carrega consigo o mesmo prestígio: meio vampira, meio humana, Rose Hathaway é uma Dampira cuja missão é se tornar uma guardiã e proteger Lissa dos Strigoi, os poderosos vampiros que se corromperam e precisam do sangue Moroi para manter sua imortalidade.

Pressentindo que algo muito ruim vai acontecer com Lissa se continuarem na São Vladimir, Rose decide que elas devem fugir dali e viver escondidas entre os humanos. O risco de um ataque dos Strigoi é maior, mas elas passam dois anos assim, aparentemente a salvo, até finalmente serem capturadas e trazidas de volta pelos guardiões da escola.

Mas isso é só o começo. Em O Beijo das Sombras, Lissa e Rose retomam não apenas a rotina de estudos na São Vladimir como também o convívio com a fútil hierarquia estudantil, dividida entre aqueles que pertencem e os que não pertencem às famílias reais de vampiros. São obrigadas a relembrar as causas de sua fuga e a enfrentar suas temíveis consequências. E, quem sabe, poderão encontrar um par romântico aqui e outro ali. Mais importante, Rose descobre por que Lissa é assim tão especial: que poderes se escondem por trás de seu doce e inocente olhar?

A primeira vez que peguei esse livro para ler, eu pensei: esse troço é confuso. Muito confuso. Isso tudo porque a questão da hierarquia, famílias reais, Moroi, Strigoi e Dampiro e a Rose explicando tudo no começo para tornar as coisas mais simples para o leitor, acabavam mexendo com a cabeça como se a gente tivesse levado um tapa. No começo, realmente é um pouco complicado entender como funciona tal coisa e por que funciona assim, mas a narrativa vai te levando de uma maneira bem fácil e logo você se vê familiarizado com tudo da história.

Diferente das histórias de vampiros que estamos acostumados a ver por aí, Academia de Vampiros traz uma trama envolvente e intensa, não se deixando levar pelo cenário escolar dos primeiros livros, ou pela idade das personagens, que em sua maioria ainda são adolescentes. Os livros nos apresentam personagens fortes e determinados como a protagonista Rose, que é capaz de fazer qualquer coisa para proteger Lissa, sua melhor amiga, que acaba sendo alvo de uma série de acontecimentos bizarros após seu retorno para a escola da qual fugiram.

Com toda uma trama envolvendo amor, magia, interesses políticos e – sem esquecer do essencial – muito sangue, Academia de Vampiros é uma série fantástica, misturando o sobrenatural com mistério e um toque de comédia (até porque a Rose é hilária e os livros são escritos no seu ponto de vista).

Um dos pontos mais interessantes é que a série se passa em um período de um ano e podemos claramente ver o amadurecimento da protagonista Rose Hathaway, e como muita coisa aconteceu naquele período.

Eu posso dizer que me apaixonei perdidamente pelo personagem Adrian, que aparece à partir do segundo livro e sofri largada de amores por ele durante a série inteira. Além do mais, fiquei imensamente feliz em saber que na outra série paralela a Academia de Vampiros ele também estará presente.

Academia de Vampiros sem dúvida foi uma das melhores leituras que já fiz. Mesmo com uma trama intensa, a autora consegue trazer uma escrita leve e que flui com facilidade, te deixando com vontade de querer ler mais. Fiquei triste porque acabou e acho que não será tão cedo que veremos Rose novamente. Mas fiquei ainda mais triste porque saiu o filme do primeiro livro e, por conta de um boicote da produtora, o segundo filme não será lançado. Eles até tentaram realizar o filme de modo independente, mas não conseguiram arrecadar o valor necessário. Então, acho que não teremos o filme tão cedo com a gente também! :(

E aí, gostou? Leia Academia de Vampiros também e venha conversar aqui comigo, porque eu tô surtando! Haha.

Boa leitura para você!

Bio

Anúncios

3 comentários sobre “Resenha: Série Vampire Academy, de Richelle Mead

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s